Te perdi ...


Eu tento mas não consigo parar o meu pensamento, sobre o transtorno que me causaste. Tudo parecia tão leve e respirável que agora tornou-se num sufoco. Acordo a meio da noite pensando que tudo isto não passa de um pesadelo, mas não, é real e te perdi no meio deste mundo de verdade.
Apesar da nossa distância, eu tinha sempre algo que me acolhia no meu dia-a-dia, tinha sempre uma palavra de carinho para me fortalecer, agradecia todos os dias por fazeres parte da minha vida e agora rezo a deus para que esta dor acabe.
Não consigo se quer encarar esta situação, não tenho palavras que possam ser ditas e a minha voz instalou-se num silêncio profundo… Cai no erro de argumentar que a culpa se calhar foi minha, pois fiz um crédito á pessoa errada, apostei confiança e acabei por perder. Quis que fosses meu, mas o esforço apenas surgiu do meu lado, porque do teu, nem sinal dele.
Nunca exigi de ti, nunca fiz suposições a teu respeito, apenas te aceitei e pedi honestidade e sinceridade mas para ti isso era muito. É certo que tive momentos de alegria contigo mas o amor não existia, existia por parte de outra…
Reneguei por ti, esperei e dei tempo ao tempo, mas não alcancei e o tempo de limite esgotou-se. Nada vi de ti, tudo era igual e banal, passaste por cima de mim para obteres os teus objectivos me deixando para trás, me deixando sozinha.
Eu não aguento mais, agora a fila é em frente, descalça, eu irei percorrer este caminho sem olhar para trás! Vou fugir de ti, vou dizer que não até não poder mais, quero fazer o meu próprio caminho sem que estejas por perto, porque eu sei que a tua presença só irá perturbar as minhas escolhas, as tuas palavras só iram fazer com que o meu coração feche as portas e com que as minhas lágrimas caiam!
Eu não vou ficar no deserto, vou lutar para encontrar uma saída e não vou desistir, vou soltar-me do passado e deixar-te para trás.

Mensagens populares deste blogue

Permanência do Silêncio